Rolando no #ViveiroRenascer

Como Cultivar | Gramado

Existem diversos tipos de grama, entre elas a Esmeralda, São Carlos, Batatais, Santo Agostinho e Bermuda, porém para cultivá-las, a técnica é praticamente a mesma.


Abaixo elencamos as qualidades dos tipos de grama para você fazer sua escolha, a que melhor convém a sua necessidade:


  • Esmeralda: Excelente densidade (impede surgimento de daninhas), baixa manutenção, resistência à seca, ótima para taludes. Indicação para jardins residenciais, comerciais e industriais. Parques e áreas de lazer.
  • São CarlosBoa coloração no inverno, boa densidade quando bem mantida. Para jardins residenciais e comerciais.
  • Bermuda Tifway 4Resistente ao pisoteio, ótima recuperação. Para campos esportivos, campos de golfe, parques e áreas industriais. Excelente resistência a seca.
  • Zeon ZoysiaExcepcional tolerância à seca e sombreamento. Necessidade de manutenção e fertilização extremamente baixas. Resistência à seca excelente densidade. Para jardins residenciais, comerciais e industriais, ainda para parques e áreas de lazer. Campos esportivos, campos de golfe.
Depois do tipo de grama se faz necessária uma aeração do solo, limpeza e posterior aração e colocação das leivas. Nas primeiras semanas se faz necessária a rega constante para fixação de raízes. Quando a grama já estiver ambientada e com tamanho suficiente inicia o ciclo de corte. Essa é a principal indicação, durante o verão contar até no máximo a cada sete dias, e inverno a cada quinze dias, observando-se o tamanho da grama.

Com o passar dos tempos e com a perda de nutrientes é preciso fazer a adubação orgânica e química do solo. A adubação orgânica pode ser feita, porém a grama ficará por um tempo com terra, ou a química que deve ser procurado um agrônomo para indicação para o tipo específico de solo e em um intervalo maior a correção de acidez com calcário.


©Viveiro Renascer 2017; Todos Direitos Reservados