Rolando no #ViveiroRenascer

Wisteria, planta de origens chinesas que encanta pela beleza


Conheça a planta de cenários cinematográficos únicos

Wisteria, conhecida como Glicínia, Glicinea e ainda Glicinia é uma planta da família Fabaceae. Trepadeira com longos cachos de flores, nativa da China, floresce apenas ao atingir a fase adulta, em cerca de 20 anos. Pode viver por mais de 100 anos. Em fase adulta, produzem inflorescências longas, pendulares, carregadas de numerosas flores e suavemente perfumadas.

As folhas das glicínias são alternadas, variando de 15 a 35 cm de comprimento. As suas flores são produzidas em cachos pendentes de até 80 cm de comprimento, podendo ser roxo, violeta, rosa ou branco. As espécies mais frequentes no paisagismo são a Wisteria sinensis, Wisteria floribunda ou multijuga e Wisteria macrostachya.

A Wisteria floribunda (glicínia japonesa), foi levada do Japão para os Estados Unidos em 1860 por George Rogers. O florescimento da Wisteria Japonesa é talvez o mais espetacular da família Wisteria. As suas flores podem ser brancas, rosas, azuis ou violeta e os seus cachos de flores podem chegar a 45 cm de comprimento.


Wisteria macrostachya (Kentucky Wisteria - Blue Moon) encontra-se no sudeste dos Estados Unidos. As suas flores são azulado-roxo, e os cachos de flores podem ir de 15 a 30 cm de comprimento. As glicínias podem subir até cerca de 20 m acima do solo e espalhar-se 10 m lateralmente. A maior glicínia do mundo conhecida é na Sierra Madre, Califórnia, com mais de 4000 metros quadrados de tamanho e pesando 250 toneladas.

As flores de algumas espécies são perfumadas, principalmente as Wisteria chinesa. As sementes são produzidas em vagens semelhantes às do Laburnum, e, como as sementes desse gênero, são venenosas.


Aprecia o frio, sendo indicada para locais de clima subtropical ou mediterrâneo. Em regiões quentes pode ser cultivada sem problemas, mas não terá o mesmo desempenho. Em regiões de clima temperado, pode sofrer com as geadas adiantadas durante o período de formação das flores.

A glicínia é muito apreciada pelas abelhas, sendo uma espécie muito valiosa para os apicultores.

©Viveiro Renascer 2017; Todos Direitos Reservados