Rolando no #ViveiroRenascer

Iniciativas do governo vão provocar "revolução no meio ambiente", diz Temer


Segundo o presidente da República, cerca de R$ 4,5 bilhões devidos aos cofres públicos serão diretamente aplicados em ações de recuperação de áreas degradadas

Inovadora e revolucionária. Esta é avaliação do presidente da República, Michel Temer, sobre a decisão do governo em transformar multas ambientais em ações de recuperação de áreas degradadas. Em artigo no jornal Folha de S. Paulo, publicado nesta segunda-feira (23), o presidente afirmou que, com a iniciativa, cerca de R$ 4,5 bilhões devidos aos cofres públicos irão para o setor.

"Tal volume de recursos, que não dependerá do Tesouro Nacional, é uma verdadeira revolução para o setor", afirmou Temer. Para ele, a conversão de multas em serviços de recuperação é “a maior e mais inovadora iniciativa ambiental do governo”. “Já temos parceiros — a começar por órgãos públicos e estatais — interessados em aplicar cerca de R$ 1 bilhão em projetos nas bacias do São Francisco, Iguaçu e Alto Paraguai”, disse.

Durante a cerimônia de assinatura do decreto que autoriza a conversão, a Petrobras e a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) assinaram o protocolo de adesão junto ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Para Temer, a política ambiental brasileira passou, recentemente, por importantes conquistas. Estamos tentando entender quais, mas foi o próprio presidente que afirmou, não é?

©Viveiro Renascer 2017; Todos Direitos Reservados