Rolando no #ViveiroRenascer

A Importância das Abelhas na Natureza

Foto: Pixabay/ Reprodução
O pequeno inseto pode ter mais funções que você imagina

A abelha é um inseto voador com muita diversidade, pois existem espécies de algumas cores, tamanhos e formas diferentes. Ao redor do mundo, existem várias espécies de abelha, sendo que majoritariamente vivem em regiões tropicais. As abelhas desempenham um importante papel nos ecossistemas atuando como polinizadoras, fonte de alimento e como indicadoras do bem-estar do ecossistema.

Polinização:

Mais eficientes do que as borboletas, as abelhas têm um papel fundamental polinizando as flores que se abrem durante o dia. Abelhas costumam escolher flores grandes e coloridas, mas podem polinizar flores de cores monótonas, escuras e pardacentas, dependendo da necessidade. Elas capturam o pólen em suas pernas enquanto coletam o néctar da flor.



Uma abelha visita dez flores por minuto em busca de pólen e do néctar. Ela faz, em média, quarenta voos diários, tocando em 40 mil flores. Com a língua, as abelhas recolhem o néctar do fundo de cada flor e guardam-no numa bolsa localizada na garganta. Depois voltam à colmeia e o néctar vai passando de abelha em abelha. Desse modo a água que ele contém se evapora, ele engrossa e se transforma em mel. A maioria das abelhas transporta uma carga eletrostática, que ajuda-as na aderência ao pólen.

As abelhas têm cinco olhos. São três pequenos no topo da cabeça e dois olhos compostos, maiores, na parte frontal.

Foto: Lili Mey - Pixabay/ Reprodução

Uma abelha produz cinco gramas de mel por ano. Para produzir um quilo de mel, as abelhas precisam visitar 5 milhões de flores e consomem cerca de 6 a 7 gramas de mel para produzirem 1 grama de cera.

Uma colmeia abriga de 60 a 80 mil abelhas. Tem uma rainha, cerca de 400 zangões e milhares de operárias. Se nascem duas ou mais rainhas ao mesmo tempo, elas lutam até que sobre apenas uma rainha. A abelha-rainha vive até 5 anos, enquanto as operárias vivem de 28 a 48 dias.

Estado do ecossistema

As abelhas são insetos que vivem em sociedades com distinção de funções. Elas são conhecidas há mais de 40.000 anos e as que mais se prestam para a polinização, ajudando enormemente a agricultura, produção originária de mel, geleia real, cera e própolis, são as abelhas pertencentes ao gênero Apis. Essas abelhas são originalmente do Hemisfério Norte, porém com o Aquecimento Global se mudaram para o Hemisfério Sul. Consequentemente,com essa longa travessia algumas acabaram se espalhado pelo mundo. A evasão de enxames de abelhas pode também indicar o uso intensivo de defensivos agrícolas, pois elas são sensíveis a resíduos artificiais. Porém, a evasão não deve ser usada como única prova, visto que a saída do habitat pode depender de outros fatores a serem estudados.

Um inseto a ser respeitado

Com importância evidenciada, nos resta cuidar da população de abelhas que vem enfrentando perdas drásticas em números de indivíduos em tempos de intensificação no uso de defensivos agrícolas, derrubamento de matas nativas para áreas de pecuária, agricultura e indústria.

Adblock Detectado

Você gosta desse conteúdo? Então nos ajude desativando o Adblock

Você pode desativar o seu adblock só em nosso domínio, ajude-nos a continuar levando conteúdo relevante para você :)

Muito obrigado, Viveiro Renascer

×